Foi preso ontem a tarde (08), o ex-prefeito de Frutal e médico Luiz Antonio Zanto Campos Borges. Ele estava em sua casa, no centro da cidade, quando por volta das 15 h, foi surpreendido pelos agentes da polícia civil que foram até lá cumprir a decisão judicial.

Esse mandado, segundo o que apurou nossa reportagem, é fruto de descumprimento de uma pena que ele respondia em regime aberto. Na prática, Zanto, que deveria cumprir uma série de requisitos para manter o benefício da prisão domiciliar, desobedeceu às regas e sofreu regressão da pena, que foi convertida em regime fechado.  (Ouça a entrevista)

 

Deixe um Comentário